quarta-feira, 5 de outubro de 2011

Relacionamento com a minha familia!

Acho que eu não poderia estar mais feliz. Minha familia é um amor! Como eu já disse aqui, na minha host family tenho uma irmã - Ava, de 4 anos e meus pais - Cindy e o Michael com 44 anos. Nos sempre fazemos passeios em familia, nem que seja para dar comida aos patos, ou jantar fora,  fazer compras.. A minha mãe e eu somos realmente próximas, eu conto tudo pra ela, tudo mesmo. Falamos sobre a escola, garotos, festas, minha vida no Brasil, minha familia, meu sentimentos, tudo. E ela sempre me escuta quando eu to mal. Isso realmente me conforta, porque a saudade existe e fica difícil se você não tem alguém para te apoiar.
Eles me dão uma liberdade incrível, não só para ir nos lugares que eu quero, mas também para falar gracinhas - O outro dia disse que ia dar uma house party muito louca aqui, dei detalhes do tipo: muitos caras, bebidas e que eles só podiam voltar pra casa as 4:30am. ÓBVIO que de brincadeira. Eles só riem e falam "ok Gaby", sei que muitos pais iam ficar bravos em ouvir isso, mesmo sendo brincadeira. Além de me ouvir dizer umas 3 vezes por semana que eu to apaixonada. hahah coitados, tem que ficar me ouvindo falar ): E quem me conhece sabe, quando eu me empolgo, não calo a boca. Tipo agora!

Meu pai faz o estilo engraçadinho, sempre tentando fazer piadas, hahah nem sempre engraçadas. Dai ele me pergunta o que eu achei, eu só respondo: Você realmente quer saber a verdade? Mas confesso que tem umas que são boas.
Eles são meus amigos, mais do que tudo.. mas obviamente existe uma postura de respeito, porque eles não deixam de ser mais velhos e meus pais.
Minha mãe disse que eu não estou aqui para ser educada por ela, que sempre que eu quiser um abraço ela ta aqui - meus olhos se encheram de lágrimas. Mas que eu tenho que saber coordenar minhas obrigações da escola, tempo na internet, dinheiro e saídas. Tá certo, bem coisa de mãe.
A Ava, oh little Ava. A criança mais fofa e mais terrível que eu já conheci. Ela, como toda a criança, chora e grita muito, isso as vezes me incomoda. Mas a maioria das vezes me trata bem, me abraça e é muito fofa comigo. Quando ela dá uma de mimada, eu tento ajudar a minha mãe e começo a fazer caretas para ela parar com a manha. A maioria das vezes da certo, haha.
Eu não chamo eles de mãe e pai, chamo pelo nome, não sei, não me sinto confortável e com coragem, ainda. haha
Eu já to vendo que vou chorar quando trocar de familia e a saudade vai ser grande. Aqui eu realmente me sinto em casa, tenho minha privacidade, sou respeitada e sempre que eu preciso, eles estão ali para me ajudar.
Imagino que as outras familias tambem vão ser otimas, pelo que eu já falei com eles. Mas a primeira, a gente nunca esquece.

Eu sou realmente agradecida a eles, por me fazerem sentir tão bem em momentos difíceis dessa viagem louca.
E família do Brasil, ainda amo vocês e to morrendo de saudades. HAHA só pra deixar claro.

“Que outubro venha com bons ventos, que me traga sorte e amor, que não me deixe sofrer, por favor. Só por um mês, faça tudo dar certo, depois veremos o que vamos fazer em novembro.”
- Caio Fernando Abreu.
-
Queria aproveitar para agradecer a compreensão das pessoas sobre esse post aqui. Várias delas vieram se desculpar, que é isso, nem precisava. Só não fazer de novo que tá tudo ótimo. BEIJOS!

16 comentários:

  1. ta xooonas por queem gabi?

    ResponderExcluir
  2. por qual né? HAHAHAH tem vários ai. HAHAHAHHA

    ResponderExcluir
  3. aaaham, não tem nenhum gatinho aae? haha

    ResponderExcluir
  4. tem sim, HAHAH mas são só quedinhas.

    ResponderExcluir
  5. ENTÃAAO!haha' seilá mais acho que vc devia aproveitar' haha

    ResponderExcluir
  6. eu to aproveitando HAHA pode ter certeza (:

    ResponderExcluir
  7. que boom *-* tá falando beem já?

    ResponderExcluir
  8. Que lindo isso que você escreveu!!

    ResponderExcluir
  9. isso, deixa agente com mais vontade de fazer intercambio HUAHUA
    só espero que minha familia seja assim, sou mei azarada pra essas coisas, mas ok (:
    sorte ai \o

    ResponderExcluir
  10. Essa Gaby! Faz um post contando dos garotos daí!
    Como eles são em relação ás garotas e tals!


    Bjus

    ResponderExcluir
  11. E o inglês Gaby, já está na ponta da lingua?? Seria legal se você fizesse um post sobre essa barreira e como ultrapassá-la.
    Beijão

    ResponderExcluir
  12. Eles são melhores que muitos pais de verdade (: Que sorte hein ?

    ResponderExcluir
  13. Você está realmente vivendo um filme *-* que lindo

    ResponderExcluir
  14. Que fofura! Quando eu fizer intercâmbio eu espero ter uma host family tão linda quanto a sua. Apesar da saudade que você vai sentir deles, ainda poderá visitá-los e continuar desabafando com a sua "mãe". rs
    Beijos, Fernanda.

    ResponderExcluir